O Brasil atingiu no ano passado mais um recorde de reciclagem de latas de alumínio. Foram reutilizadas 98,2% das latas vendidas.

Ao todo, 198,8 mil toneladas de alumínio, das 202,5 mil toneladas vendidas, foram recicladas.

Os dados constam do balanço da coleta do material divulgado ontem pela Associação Brasileira do Alumínio (Abal) e a Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alta Reciclabilidade (Abralatas). Com o resultado, segundo as entidades, o Brasil conquista pela nona vez consecutiva o posto do país com maior índice de reciclagem de latas do mundo.

Na comparação entre 2009 com o ano anterior, a quantidade de latas recicladas aumentou 19,9%. Em 2008, foram reutilizadas 91,6% das latas vendidas pela indústria, o que representa cerca de 165 mil toneladas.

Em 2009, a reciclagem das latas de alumínio movimentou R$ 1,3 bilhão. Deste total, R$ 382 milhões foram gerados só com trabalho de coleta do material.

“Se toda coleta de latas fosse feita por uma empresa só, ela estaria entre as mil maiores do país”, complementou Henio de Nicola, presidente da Abal, em entrevista coletiva em São Paulo.

Com a reciclagem do alumínio das latas, também foram economizados 2,9 mil gigawatts-hora (GWh). Com esta energia, seria possível atender à demanda anual de uma cidade como Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo, que tem 1,2 milhão de habitantes. [Info]

facebook-profile-picture
 

é o criador do eco4planet, formado em Administração de Empresas pela USP, desenvolvedor e gamer. Otimista nato, calmo por natureza, acredita que informação pode mudar o mundo e que todo pequeno gesto vale a pena.

Posta também no Twitter e Facebook.
Veja outros artigos por e escreva também para o eco4planet!
  • Renan Moreira

    Se há tamanha economia de energia, e consequente economia $$ "capitalística", porque, de uma vez por todas, o Brasil não investe na mão de obra estruturada e ASSALARIADA? Os "catadores" como são chamados, são os grande heróis desses números, e não ganham salários, apenas lucram com a venda do produto "catado". As horas de trabalho não são remuneradas, apenas o material colhido. Imagina se o RONALDO só ganhasse por gol feito??? Os bastidores dessa façanha ecológica é obscuro e podre. Se botarmos na balança, pouco vale o ganho verde do meio ambiente se pecamos na saúde e condição de vida social do ser que vive neste meio.

  • Rafa

    Vale lembrar q conseguimos isto por uma questão social que leva as pessoas de baixa ou nenhuma renda a sairem pelas cidades em busca de latinhas para a reciclagem. Seria ótimo essas pessoas pudessem se profissionalizar, e converter tudo isso além dos benefícios à natureza em benefícios sociais tb.

  • eu vi um documentario na discovery channel sobre isso, na verdade era um documentario sobre a cidade de Sao Paulo. E fiquei super feliz, principalmente porque no exterior ouvimos falar dos pontos negativos do brasil, mas dessa vez foi otimo, me sinti orgulhosa..! Eu so espero que o governo aprecie esses dados e que incentive a coleta diferenciada, pois é muito importante..! além de criar novos empregos faz com que o pais reutilize o lixo!!!

  • GuhRubinato

    Espero que no próximo ano chegue perto dos 100%. =)

    Com a reciclagem se economiza muito. Existe uma economia de matéria prima, extração do material, combustível gasto para o transporte e extração, muita energia elétrica, etc, etc. Com isso deixa de ser gasto muito dinheiro que não precisaria ser gasto, e principalmente bem menos danos ao nosso importantíssimo meio ambiente.

    Cada latinha, garrafa, embalagens de papel que eu separo para a coleta eu considero como uma vitória pessoal.

    Espero também que as empresas comessem a se preocupar cada vez mais em reciclar, assim todos sairemos ganhando.

  • Valquíria

    Muito bom saber que o Brasil atingiu esse patamar. Como disseram na reportagem, falta agora uma empresa para recilcar outros materiais. Será que ainda precisa de algum incentivo?

  • Pedro Salvador

    Depois que lançaram as latas de alumínio (vocês lembram das antigas latas que além de mais pesadas, não tinham muito valor?), após o desfile de um bloco de carnaval, as ruas ficam “limpinhas” (pelo menos das latas!). Agora falta dar mais incentivo (pagar melhor!) a reciclagem das garrafas pet, papelão, vidros, etc…

  • Eu estou sempre enviando materiais para reciclagem !!!!

    eco4planet para você para empresas
 
Quem somos
Na mídia
FAQ
Contato
Home page
Busca padrão
Como divulgar
Anuncie (mediakit)
Embedded
 
 
©2008-2017 eco4planet | Privacidade
©2008-2017 eco4planet | Privacidade