Em 1967 um pinguim-imperador trocou o frio da Antártida pelo clima mais tranquilo da praia de Oreti, no sul da Nova Zelândia. Porém, nessa segunda feira foi registrado o mais novo caso de um pinguim perdido.

Na segunda feira, dia 20, Christine Wilton caminhava com seu cachorro pela praia de Peka Peka e encontrou a ave.

Vi uma coisa branca e brilhante em pé, e achei que estava vendo coisas

Segundo a reportagem do jornal New Zealand Herald, os funcionários do Departamento de Conservação do país já cuidaram do animal que aparenta estar saudável, mas precisa voltar para a Antártida para ficar ainda melhor.

Peter Simpson, porta-voz de biodiversidade do Departamento de Conservação, declarou que “É incrível ver um destes pinguins na costa de Kapiti. Animais incomuns da Antártida visitam nossas praias às vezes, mas não sabemos bem o porquê”.

O pinguim-imperador, que pode medir até 1 metro, não parece estar grandinho para sair de casa sozinho.

 
Veja outros artigos por e escreva também para o eco4planet!
    eco4planet para você para empresas
 
Quem somos
Na mídia
FAQ
Contato
Home page
Busca padrão
Como divulgar
Anuncie (mediakit)
Embedded
 
 
©2008-2018 eco4planet | Privacidade
©2008-2018 eco4planet | Privacidade