Os sistemas de aluguel de bicicleta se popularizaram em todo o mundo. Mas, apesar dos benefícios, esses serviços ainda encontram algumas dificuldades, especialmente no que diz respeito à manutenção e conservação das bikes.

Para simplificar o processo e torná-lo mais popular entre os moradores das grandes cidades, um grupo de amigos de Nova York criou o SoBi (Social Bicycle System) – um programa de aluguel de bicicletas controlado pelo telefone celular.

Segundo seus criadores, o sistema é o primeiro do mundo com autorização, controle e sistemas de segurança ligado à própria bicicleta, e não mais às estações de aluguel. Os programas comuns geralmente obrigam os usuários a pegarem e devolverem as bikes nas estações, além de pedirem o uso de cartão de crédito, documentos, comprovantes e outras solicitações.

Simplificando

O SoBi é composto por três elementos: o ciclista social, o servidor central e a bicicleta social, todos interligados por tecnologia wireless para rastreamento, localização e desbloqueio imediato dos equipamentos.

sobi-02.jpg

O usuário só precisa se cadastrar no programa via web, celular ou quiosque de rua, e fazer uma busca pelo telefone de onde tem uma bicicleta mais próxima do local onde ele está.

As bikes, dotadas de um dispositivo eletrônico (uma espécie de caixa de segurança móvel), são liberadas com a solicitação do usuário e uso de um código PIN – tudo gerenciado pelo servidor central que vai aprovar e acompanhar a operação.

O ciclista tem acesso ilimitado às bicicletas, que são equipadas com GPS, a trava de segurança e comunicações sem fio. Depois do uso, basta deixar a bike em qualquer paraciclo ou bicicletário público a espera do próximo usuário.

sobi-04.jpg

Ele também será responsável pela conservação das bicicletas e manutenção do sistema em funcionamento. Aqueles que utilizarem a bicicleta de forma sustentável ainda receberão bônus que poderão ser utilizados como benefícios no sistema. No seu perfil, ele ainda poderá visualizar seus trajetos, calcular as calorias queimadas, compartilhar suas viagens e ver se seus amigos estão por perto.

“Esse sistema não requer uma infraestrutura separada e pode ser implantado com um terço dos custos de um sistema tradicional”, afirma o criador do projeto, Ryan Rzepecki.

Ele lembra ainda que o conceito já foi indicado a diversos prêmios, como o Copenhagen Bike Share Design Competition, o Innovation Erie Competition e o The Earth Awards, além de estar concorrendo ao prêmio de US$ 50 mil oferecido pelo Pepsi Refresh Competition.

Confira o vídeo de apresentação do projeto (em inglês):

*Via EcoD.

  • wellington

    nossa , isso já tinha aki na minha cidade à um tempão ;x , i olha ki é cidade pequena

    eco4planet para você para empresas
 
Quem somos
Na mídia
FAQ
Contato
Home page
Busca padrão
Como divulgar
Anuncie (mediakit)
Embedded
 
 
©2008-2017 eco4planet | Privacidade
©2008-2017 eco4planet | Privacidade