“Ruínas da Guerra”, em Angola, um dos países identificados como de forte conexão entre o El Niño e a violência

Um estudo publicado na revista “Nature” afirma que variações do clima, como El Niño e La Niña, influenciam diretamente os conflitos que acontecem na região. Onde mais chove, segundo o estudo, mais existe a possibilidade de guerra civil.

O estudo diz que os países com mais tempestades, os tropicais atingidos pelo El Niño, tem duas vezes mais chances de um conflito interno do que os mais úmidos e menos quentes – que são atingidos pelo La Niña.

“O estudo mostra inegavelmente que, mesmo no nosso mundo moderno, as variações climáticas têm impacto sobre a propensão das pessoas à violência”, diz Mark Cane, pesquisador do clima do Observatório da Terra Lamont-Doherty, da Universidade de Columbia, Nova York.

Mas calma, não é só por estar mais molhado que os guerrilheiros se irritam mais: Solomom Hsiang, o principal pesquisador do estudo, diz que o El Niño é um fator invisível. Por conta dele as colheitas são perdidas e as comunidades ficam famintas e mais debilitadas, com alto risco de contrair doenças. Fora o desemprego que pode aumentar junto com desigualdades. Tudo isso pode virar discórdia e desentendimento e isso gera a guerra civil.

 

Via Folha | Imagem: Flickr/Vale0182

 
Veja outros artigos por e escreva também para o eco4planet!
  • Ligeirinho

    Isso explica o porque de os quadrinistas usarem uma nuvem negra com um raio na cabeça da pessoa indicando raiva.

  • Dr. Credo

    Credo

    eco4planet para você para empresas
 
Quem somos
Na mídia
FAQ
Contato
Home page
Busca padrão
Como divulgar
Anuncie (mediakit)
Embedded
 
 
©2008-2017 eco4planet | Privacidade
©2008-2017 eco4planet | Privacidade