fusionhybrid

A Ford apresentou nesta semana a nova versão do seu Ford Fusion Hybrid, o sedan de luxo com tecnologia limpa, e estávamos lá para conferir as novidades do que é considerado o carro mais econômico do país, reunindo máxima tecnologia, segurança e silêncio, além de uma economia incrível.

 

O Novo Fusion Hybrid é uma evolução…

Apesar de ser praticamente o único híbrido no Brasil, o modelo 2010 vendeu apenas 270 unidades – por falta de incentivos fiscais como acontece em outros países, o preço certamente é o grande vilão nessa história. Chegando agora por R$ 124.990,00 – nove mil a menos que a versão anterior, e com uma série de novidades, as vendas devem crescer e ampliar o mercado de carros híbridos.

Seu design é o mesmo da versão comum, ou para ser mais preciso, a da versão Titanium, mais completa, e traz uma nova geração de baterias de íons de lítio (o mesmo tipo utilizado em celulares, tablets, notebooks…), que pesa 23Kg menos que a versão anterior (apenas 42 kg).

bateriasAs baterias ocupam parte do porta-malas, mas ainda sobram ótimos 392 litros.

Diferente de muitos carros vendidos nestas terras, o Fusion Hybrid e o mesmo dos EUA, igualmente fabricado no México, contando com uma série de sensores que facilitam a vida do motorista: estacionamento automático, permanência em faixa (ele vibra o volante e faz uma pequena força pra te manter na faixa da via caso comece a se deslocar lentamente, típico de motorista sonolento), piloto automático adaptativo (que aprende seu estilo de direção, chamado EV+, que trabalha junto ao Eco Plus para eficiência), alerta de colisão, monitoramento de pontos cegos do retrovisor, assistência de parada em rampa e controle eletrônico de estabilidade e tração.

Graças ao motor elétrico, que não fica explodindo internamente e chacoalhando, com vidros fechados e ar condicionado ligado, o silêncio é absoluto já que microfones captam o ruído interno e devolvem a frequencia inversa para anulá-lo. Então, um LED verde foi colocado para você saber que o carro está ligado.

 

… que tem uma tecnologia incrível para economizar combustível…

Enquanto não temos o modelo "Plug in", que é ligado na tomada para recarregar, graças a falta de estrutura do Brasil segundo a montadora, chega para cá a versão cujas baterias são recarregadas pelo que seria desperdiçado na frenagem, como o KERS da Fórmula 1, e também pelo próprio motor a combustão quando é ativado.

Apesar de ser difícil fazer uma média (se você andar muito tranquilamente é possível atingir níveis muito maiores de eficiência), o cálculo padrão diz que o consumo será de 16,8 km/l na cidade e 16,9 km/l na estrada, o que chega a economia de R$ 5 mil por ano em combustível comparado ao mesmo veículo na versão não híbrido.

inmetroNo mesmo formato dos usados em eletrodomésticos, o selo do INMETRO comprova a eficiência

O carro faz 0 a 100Km/h em 9,3 segundos e pode chegar até tal velocidade apenas no motor elétrico, a menos que você pise muito fundo, talvez numa ultrapassagem ou subida. A partir daí o motor a combustão passa a operar em paralelo. A qualquer momento, juntos, os motores somam respeitáveis 190 cavalos.

 

… e quer te ensinar a economizar de uma maneira divertida…

O painel tem duas telas de LCD de 4.2" que mostram, à esquerda, informações dos sensores, consumo de combustível, dados da viagem e tudo controlado por botões no carro, enquanto na da direita está o simpático "Ecoguide" em que ramos de folhas verdes vão crescendo se você estiver dirigindo de forma ecológica (usando o motor elétrico), ou as folhas vão caindo quando a direção é mais agressiva. É uma forma simples e emocional de alertar para a forma mais sustentável de dirigir (e economizar no bolso também)

painelDe nada

O mediacenter no painel central é feito em parceria com a Sony e traz os recursos de GPS e informações do carro, mostrando, por exemplo, qual motor (elétrico ou a combustão) está sendo usado no momento e para onde a energia está sendo levada (para as rodas, sistema de ar condicionado, iluminação, etc.).

sonyPainel tem tecnologias Sony e Microsoft para garantir qualidade de áudio/vídeo, comunicação e reconhecimento de voz

O sistema reconhece comandos de voz de forma bastante natural graças ao Sync, feito em parceria com a Microsoft, inclusive servindo para a escolha de estações de rádio. Há entrada USB, cartão de memória e até o bom e velho RCA A/V, além de ter uma tomada 110V no lugar do acendedor de cigarros, ou seja, dá basicamente pra ligar até um vídeo-game alí.

 

… mas ele não é pra todo mundo.

Como já dito, o Hybrid é feito com base na versão Titanium, a mais completa dos Ford Fusion, então o preço não é popular, mas também não chega a ser assustador, saindo R$ 124.990,00. Infelizmente ainda não contamos com subsídios governamentais para carros híbridos ou elétricos no Brasil como ocorre nos EUA e outros países.

A Ford sabe que nessa faixa os compradores esperados serão os “formadores de opinião e early adopters” dispostos a talvez desembolsar um tanto mais por uma tecnologia que ainda não é tão conhecida no mercado brasileiro, mas que espera-se se tornar bastante comum em breve.

hybrid

Como toda tecnologia nova (caso de airbag, direção hidráulica, câmbio automático…), é comum que chegue primeiro nos veículos de luxo, já que o aumento de valor que causa é menos significativo perto do valor já mais alto do carro e, com o tempo, aumentando escala e avançando na curva de aprendizado da própria fabricante, o sistema se torna mais barato e pode ser colocado em veículos cada vez mais populares.

Uma preocupação também comum e que é rebatida pela montadora se refere à manutenção, sobre a qual ela garante ter treinado técnicos em todas as concessionárias do país para que saibam lidar com as diferenças do sistema híbrido.

Com mais esse passo, caminhamos para um futuro em que, assim como hoje as crianças desconhecem VHS e disquete, nossos filhos poderão desconhecer o que era um motor a combustão numa realidade de carros 100% elétricos, e talvez até autônomos!

 

O eco4planet foi para Itu/SP a convite da Ford e concorda que tudo por lá é grande. Até os insetos.

 
Veja outros artigos por e escreva também para o eco4planet!
  • Tudo ótimo. Exceto pelo fato de nenhum distribuidor Ford em Belo Horizonte ter informação sobre quando a versão estará efetivamente disponível para comercialização. Tentei obter informações diretamente com 9 fabricante (Fale Conosco) e… Adivinhem: eles dizem que apenas a gerência do distribuidor Ford pode responder minhas indagações. Como se não bastasse a falta de incentivo governamental.

    • Vinícius falando com a Assessoria da montadora recebi as seguintes orientações:

      A disponibilidade do carro pode variar conforme modelo escolhido e a Ford está constantemente abastecendo os distribuidores. A melhor forma de saber a previsão de chegada do carro é, de fato, estando em contato direto com o distribuidor mais próximo – consule no <a href="http://www.ford.com.br/encontre_distribuidor.asp" target="_blank">www.ford.com.br/encontre_distribuidor.asp ou com a própria marca na fanpage Ford Brasil.

      • Obrigado, Juan.
        Entretanto, a informação da Ford nada acrescenta.
        O modelo objeto de indagação é o Hybrid e nenhuma concessionária Ford de Belo Horizonte sabe precisar quando o modelo estará disponível.:(
        Eu já havia me cadastrado no site e escolhido um distribuidor, do qual cheguei a receber retorno. Não houve novidade alguma.

  • paulo cruz dias

    Realmente este seria ou será o inicio de uma mudança no setor automotivo com um carro de luxo q poderia se igualar com o Jaguar hj em oferta de 230 mi R$ oferecendo um rendimento bem desejado tanto de qualidade como financeiro isto fiz deduções lógicas embora não tenha feito test drive em nenhum deles, crendo com este grande pulo da Ford tentando se firmar neste mercado q é o automotivo, veremos como ficaremos após observaçõse.

  • Pingback: Salão do Automóvel de São Paulo entra na onda dos carros verdes "normais" | eco4planet()

    eco4planet para você para empresas
 
Quem somos
Na mídia
FAQ
Contato
Home page
Busca padrão
Como divulgar
Anuncie (mediakit)
Embedded
 
 
©2008-2017 eco4planet | Privacidade
©2008-2017 eco4planet | Privacidade